Divulgado plano de reabertura das fronteiras da Austrália

Governo australiano divulga o roteiro para reabertura de suas fronteiras

O primeiro-ministro da Austrália,  Scott Morrison, divulgou nesta semana o plano de reabertura das fronteiras da nação. Segundo o líder, seriam 4 fases a serem seguidas: A, B, C e D.

Fase A – Momento atual

Preparação para as próximas fases do projeto e aceleração das taxas de vacinação. Implementação do certificado de vacinação. Será realizado testes de quarentena em casa para residentes e cidadãos que retornam do exterior e estejam totalmente vacinados.

Fase B – 70% dos adultos vacinados até o final de 2021

Na Fase B, quando 70% dos adultos estiverem vacinados, o lockdown é menos provável, mas ainda possível.
O governo prevê que esta fase pode ser alcançada em meados de novembro, mas o primeiro-ministro está sugerindo mais para o “final do ano”.
A entrada limitada e gradual de estudantes estrangeiros vacinados também poderá ser considerada, sujeito a quarentena e disponibilidade de espaço para tal.
Ainda não foi estipulado quais serão os critérios para os estudantes nem quais serão as vacinas aceitas. Também é proposto que, durante esta fase, uma bolha de viagens com Cingapura e alguns países do Pacífico possa acontecer.

Fase C – Consolidação da vacinação (pelo menos 80% da população vacinada) – 2022

Quando 80% da população adulta já estiver totalmente vacinado, o governo propõe a abolição de todos os limites para o retorno de australianos vacinados do exterior. No entanto, isso só permitirá que os expatriados voltassem para casa com mais liberdade, mas não autoriza viagens aleatórias para o exterior durante um feriado, por exemplo.

O número de estudantes internacionais que poderão entrar no país deve aumentar.

Fase D – Pós vacinação

Reabertura total das fronteiras. A Austrália buscará tratar a COVID-19 como qualquer outra doença infecciosa, com o objetivo de minimizar os casos e lockdown.

Algumas restrições continuarão em vigor, incluindo quarentena para viajantes que chegam de países considerados de “alto risco”.

 

 

Novos passaportes de vacina

O Sydney Morning Herald divulgou que os australianos usarão um certificado de vacina com código QR para viagens internacionais.
Isso envolveria usar uma conta no MyGov em aeroportos ao fazer declarações de fronteira e colocá-los em uma carteira digital em seu telefone ou imprimi-los para o aeroporto.
O primeiro-ministro apoiou a opção, no entanto, como uma forma de fornecer um incentivo para que mais pessoas sejam vacinadas, mas isso dependeria de um acordo com os estados.

 

Veja também

Situação das fronteiras no Canadá

Assine a newsletter

Assine nosso boletim informativo para ficar por dentro das últimas notícias, eventos e ofertas
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Artigos recentes