Situação das fronteiras no Canadá

“Quando poderei viajar para o Canadá?”

Esta é a pergunta que muitos brasileiros estão se fazendo neste momento. O Canadá sempre figura como uma das primeiras opções quando o assunto é morar fora do Brasil.

E não é para menos: além da qualidade de vida, é um país que oferece inúmeras possibilidades de estudo. Mas você pode estar se perguntando: afinal, como anda a situação das fronteiras no Canadá?

 

 

Estudante já pode entrar?

Sim! Para entrar no Canadá como estudante, além dos documentos básicos, você deve atender a 2 requisitos a princípio:
1) Você deve ter uma autorização de estudo válida;
2) Estar matriculado em uma instituição de ensino designada (DLI) aprovada pela província ou território.
Você só pode entrar no Canadá se tiver todos os documentos exigidos e sua instituição estiver na lista de designated learning institution.

Qualquer tipo de curso me dá a possibilidade de ir para o Canadá hoje?

Não. Somente estudantes matriculados em cursos de longa duração e em escolas cujos protocolos foram aprovados pelo governo, podem entrar no país.
Para os demais viajantes, as fronteiras canadenses seguem fechadas.

Preciso fazer teste de PCR antes de embarcar?

É obrigatório apresentar um teste de PCR negativo efetuado nas 72 horas anteriores à sua partida para a entrada no país.

Preciso fazer quarentena?

Sim, é necessário fazer quarentena obrigatória de 14 dias assim que apresentar teste PCR negativo na chegada.
A partir de julho, estudantes totalmente vacinados com uma das quatro vacinas aprovadas (Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Janssen) não precisarão mais ficar em hotel designado pelo governo.
Para ser considerado totalmente vacinado, é necessário apresentar o comprovante de vacinação em inglês ou francês.

Preciso de visto? Se sim, quanto tempo demora para sair?

Sim, você precisa de visto. O Governo canadense divulgou recentemente que vai incluir o Brasil no programa que aprova rapidamente vistos de estudantes. O Student Direct Stream (SDS) oferece um processamento acelerado de permissão de estudo que leva em média 20 dias para serem analisados.

 

Reabertura das fronteiras para turistas brasileiros completamente vacinados

É previsto que turistas que estejam totalmente vacinados com as vacinas aprovadas pelo Canadá possam viajar a partir do dia 7 de setembro.
“Com o aumento das taxas de vacinação e menos casos no Canadá, podemos começar a flexibilizar as medidas nas fronteiras com segurança”, declarou Patty Hajdu, ministra da Saúde canadense.

As vacinas aceitas são AstraZeneca, Pfizer-Biotech, Moderna e Janssen e o viajante precisa ter concluído o ciclo de vacinação ao menos 14 dias antes da viagem.
A CoronaVac ainda não foi autorizada.

Como parte da ação da retomada do turismo, a partir do dia 9 de agosto, o Canadá permitirá a entrada de cidadãos norte-americanos e residentes permanentes que estiverem totalmente vacinados pelo menos 14 dias antes de chegarem ao país.

Pré-requisitos para a viagem

  • O visitante deverá usar o aplicativo ou o site ArriveCAN, para fornecer suas informações de saúde, incluindo o comprovante de vacinação. É vital verificar se a província ou o território tem alguma restrição adicional também.
  • É necessário levar uma cópia impressa ou digital do comprovante de vacinação em inglês, ou francês (ou com tradução juramentada), para mostrar a um funcionário do governo caso seja solicitado.
  • Além disso, todos os viajantes devem apresentar um plano de quarentena adequado e estar preparados para tal.
  • Vale ressaltar que o Canadá continuará a pedir a apresentação de um teste negativo para covid-19, feito antes do embarque.

Veja Também 

Como imigrar para o Canadá

Assine a nossa newsletter

Assine nosso boletim informativo para ficar por dentro das últimas notícias, eventos e ofertas
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Artigos recentes

Canadá quer receber 1,2 milhão de imigrantes até 2023
13 Agosto 2021

Canadá quer receber 1,2 milhão de imigrantes até 2023

País quer compensar o déficit causado pela pandemia nos próximos três anos!